Ateka e Dzay, as famílias felizes de refugiados em Portugal

A síria Hend Ward lembra, comovida, a viagem no barco pequeno atolado de gente com destino à Grécia, onde ficaram num campo de refugiados, para fugirem à guerra. Manuel Roberto
Fotogaleria
A síria Hend Ward lembra, comovida, a viagem no barco pequeno atolado de gente com destino à Grécia, onde ficaram num campo de refugiados, para fugirem à guerra. Manuel Roberto

Hend Ward é muçulmana e usa hijab no colégio católico onde é auxiliar e muito acarinhada pelas crianças.
Hend Ward é muçulmana e usa hijab no colégio católico onde é auxiliar e muito acarinhada pelas crianças. Manuel Roberto
Hend Ward é muçulmana e usa hijab no colégio católico onde é auxiliar e muito acarinhada pelas crianças.
Hend Ward é muçulmana e usa hijab no colégio católico onde é auxiliar e muito acarinhada pelas crianças. Manuel Roberto
Hend é muito acarinhada pelas colegas de trabalho.
Hend é muito acarinhada pelas colegas de trabalho. Manuel Roberto
A síria Hend participa na hora da meditação com as crianças.
A síria Hend participa na hora da meditação com as crianças. Manuel Roberto
Os meninos do colégio de Miramar procuram-na para brincar e até quando se magoam. Ela trata-os como se fossem seus filhos.
Os meninos do colégio de Miramar procuram-na para brincar e até quando se magoam. Ela trata-os como se fossem seus filhos. Manuel Roberto
Hend ensina os números em árabe às crianças que os repetem, contentes, como se fosse uma canção.
Hend ensina os números em árabe às crianças que os repetem, contentes, como se fosse uma canção. Manuel Roberto
Os meninos adoram-na.
Os meninos adoram-na. Manuel Roberto
A educadora Cátia Gama, do colégio Sol dos Pequeninos, onde Hend trabalha, tem sido uma preciosa ajuda para a família. Visita-os e leva os dois filhos do casal a passear.
A educadora Cátia Gama, do colégio Sol dos Pequeninos, onde Hend trabalha, tem sido uma preciosa ajuda para a família. Visita-os e leva os dois filhos do casal a passear. Manuel Roberto
A família Ateka gosta de receber bem as visitas em casa, com a mesa cheia de doces tradicionais da Síria.
A família Ateka gosta de receber bem as visitas em casa, com a mesa cheia de doces tradicionais da Síria. Manuel Roberto
Hend ensina a escrever os números em árabe, ajudada pelo filho Abdul.
Hend ensina a escrever os números em árabe, ajudada pelo filho Abdul. Manuel Roberto
Abdul Ateka é uma criança feliz em Vila Nova Gaia e mostra o quarto de casa decorado com posters de futebolistas e taças.
Abdul Ateka é uma criança feliz em Vila Nova Gaia e mostra o quarto de casa decorado com posters de futebolistas e taças. Manuel Roberto
A família Ateka está bem integrada em Vila Nova de Gaia, depois de ter sido acolhida por portugueses já lá vão dois anos, vinda do campo de refugiados na Grécia. E não quer regressar à Síria. O filho Abdul e e a filha Batoul falam português correctamente.
A família Ateka está bem integrada em Vila Nova de Gaia, depois de ter sido acolhida por portugueses já lá vão dois anos, vinda do campo de refugiados na Grécia. E não quer regressar à Síria. O filho Abdul e e a filha Batoul falam português correctamente. Manuel Roberto
Aos sábados, Elisa Keating, professora da Faculdade de Medicina do Porto, dá apoio nos TPC a Abdul e a Batoul.
Aos sábados, Elisa Keating, professora da Faculdade de Medicina do Porto, dá apoio nos TPC a Abdul e a Batoul. Manuel Roberto
Batoul faz trinta por uma linha nas brincadeiras com a educadora Cátia Gama, que a leva a ela e ao irmão ao cinema, à piscina e à praia e os trata como se fossem família.
Batoul faz trinta por uma linha nas brincadeiras com a educadora Cátia Gama, que a leva a ela e ao irmão ao cinema, à piscina e à praia e os trata como se fossem família. Manuel Roberto
O casal Ateka diz que está muito feliz em Portugal.
O casal Ateka diz que está muito feliz em Portugal. Manuel Roberto
Alamir Ateka é cortador de tecidos e estofador numa fábrica de mobiliário, em Gondomar, onde todos elogiam o seu trabalho.
Alamir Ateka é cortador de tecidos e estofador numa fábrica de mobiliário, em Gondomar, onde todos elogiam o seu trabalho. Manuel Roberto
Alamir Ateka reza em árabe durante uma cerimónia religiosa católica no Centro de Reflexão e Encontro de Universidades (CREU), no Porto. Quebram-se barreiras entre islamismo e catolicismo.
Alamir Ateka reza em árabe durante uma cerimónia religiosa católica no Centro de Reflexão e Encontro de Universidades (CREU), no Porto. Quebram-se barreiras entre islamismo e catolicismo. Manuel Roberto
Os Ateka convivem muito com alguns dos voluntários que os têm ajudado na integração em Portugal.
Os Ateka convivem muito com alguns dos voluntários que os têm ajudado na integração em Portugal. Manuel Roberto
Maria João Jardim e Sónia Aires estão na linha da frente no acolhimento dos Ateka e tratam Abdul e Batoul como se fossem da família.
Maria João Jardim e Sónia Aires estão na linha da frente no acolhimento dos Ateka e tratam Abdul e Batoul como se fossem da família. Manuel Roberto
A curda iraquiana Frmesk Dzay trabalha na cozinha num colégio de Braga, onde os quatro filhos têm uma bolsa de estudo.
A curda iraquiana Frmesk Dzay trabalha na cozinha num colégio de Braga, onde os quatro filhos têm uma bolsa de estudo. Manuel Roberto
Na casa da família Dzay, em Braga, a filha Sham ajuda o pai, Shyda Dzay, a traduzir algumas palavras de inglês para curdo.
Na casa da família Dzay, em Braga, a filha Sham ajuda o pai, Shyda Dzay, a traduzir algumas palavras de inglês para curdo. Manuel Roberto
Os sorrisos da família Dzay mostram bem como estão felizes no seu apartamento, em Braga, e não querem regressar ao Curdistão iraquiano, de onde fugiram do Daesh.
Os sorrisos da família Dzay mostram bem como estão felizes no seu apartamento, em Braga, e não querem regressar ao Curdistão iraquiano, de onde fugiram do Daesh. Manuel Roberto
As duas irmãs têm um quarto só para elas cheio de bonecada.
As duas irmãs têm um quarto só para elas cheio de bonecada. Manuel Roberto
A família Dzay diz que tem Helena Pina-Vaz no coração. Nunca esquecerão o quanto tem feito pela integração deles em Portugal.
A família Dzay diz que tem Helena Pina-Vaz no coração. Nunca esquecerão o quanto tem feito pela integração deles em Portugal. Manuel Roberto
Sugerir correcção