Porque deve o seu filho fazer um check-up dentário no regresso às aulas?

Conhece a verdadeira importância de uma avaliação oral no início da época escolar? Prepare os seus filhos para um ano lectivo de sucesso e, sobretudo, sem percalços na saúde oral.

,Jardim da infância
Foto
GettyImages

Depois de longas tardes na praia, entre mergulhos no mar e pausas prazerosas para trincar as tão afamadas bolas de berlim, é hora de preparar um regresso glorioso à temporada escolar. Com energias retemperadas, novos desafios pela frente e metas a cumprir, o regresso à rotina da escola requer uma preparação prévia – a todos os níveis. É essencial agendar um check-up dentário. Análises e consultas de rotina à parte, falamos da importância da saúde oral, muitas vezes subestimada e tão importante na saúde em geral. Depois dos habituais abusos (e descuidos) alimentares das férias, a higiene oral assume um papel importante no bem-estar de qualquer criança, cabendo aos pais garantir este check-up. E aqui, a Dr. Well's pode ser uma ajuda preciosa

Os dados não enganam - pelo contrário, elucidam

Sabia que, de acordo um estudo de 2008 da Direcção Geral de Saúde (DGS), a prevalência de cárie nas crianças aos 6 anos era de 49% e aos 12 anos de 56%? Apesar dos números terem vindo a diminuir, estão longe do objectivo da Organização Mundial de Saúde (OMS) para 2020 na região europeia, que prevê que 80% das crianças, aos 6 anos, estejam livres de cárie. As boas notícias? Hoje em dia existem novas clínicas cada vez mais alertas para esta realidade.

A importância de um check-up oral

Uma das clínicas portuguesas que mais aconselha e alerta para a importância de um check-up é precisamente a Dr. Well’s, rede de clínicas especializada em medicina dentária, estética e capilar. Segundo o Dr. David Aleixo, Director Clínico da Dr. Well’s, é aconselhável consultar um médico dentista, de 6 em 6 mês para prevenir qualquer desenvolvimento de doença nos dentes ou nas gengivas. Aqui, os pacientes são sujeitos a um diagnóstico completo da sua higiene e saúde oral, bem como a uma análise dos aspectos funcionais da boca e dos dentes, e por fim a uma avaliação estética do perfil, como a cor dos dentes.

PÚBLICO -
Dr. Well's

Para um diagnóstico preciso, um dos primeiros passos da consulta de avaliação inclui a realização de um raio-X panorâmico, que permite avaliar a eventual perda de estrutura óssea, a localização exacta das raízes dos dentes e, no caso das crianças, a evolução do crescimento dentário. Um plus? A dose de radiação destes equipamentos na Dr. Well’s é substancialmente mais baixa do que a da generalidade dos equipamentos disponíveis no mercado. Este exame permite ainda evidenciar as tão indesejadas lesões por cárie. Com estas informações, o médico dentista irá avaliar a saúde oral do paciente e se necessário, desenhar o plano de tratamento ideal ajustado a cada caso.

PÚBLICO -
Foto
Dr. Well's

Essencial a todos os níveis, a consulta de higiene oral consiste na remoção do tártaro ou placa bacteriana de forma a manter os dentes e gengivas com boa saúde. E por último, caso exista essa indicação, são ainda aplicados selantes. Perguntam-se os pais: para que servem os selantes? Os selantes ajudam na diminuição da incidência de cáries, que normalmente aparecem com mais frequência nos primeiros molares definitivos. Após uma avaliação completa e minuciosa, cabe também ao médico dentista avaliar a necessidade de recorrer à ortodontia, a especialidade que corrige a posição dos dentes e dos ossos maxilares, e cujos benefícios vão muito além da estética.

No fim de cada consulta, pais e filhos podem esclarecer todas as dúvidas relacionadas com o plano de tratamento, conhecer as facilidades de pagamento disponíveis na Dr. Well’s bem como as seguradoras com as quais as clínicas têm acordos, entre outras. E assegurar, assim, um regresso às aulas sem imprevistos indesejados, para que todas as atenções estejam voltadas para os novos – e aliciantes – desafios do novo ano escolar.