Em busca da revolução chinesa

Foi nacionalista, ocidentalista e comunista. Os primeiros revolucionários tornaram-se ocidentalistas em nome de um nacionalismo anti-ocidental. Queriam pôr termo ao trágico declínio da China

No dia 1 de Outubro de 1949, Mao Zedong proclamou a República Popular da China, na varanda da Porta da Paz Celeste, na Praça Tiananmen, em Pequim. “O povo chinês ergueu-se. (…) A nossa nação não voltará a ser humilhada. (…) Os chineses nunca mais voltarão a ser escravos.”