Vestido de Dino Alves, inspirado em Keith Haring, vai a leilão

O designer português apresenta esta semana na ModaLisboa um vestido inspirado na obra do artista norte-americano. A venda reverte a favor da luta contra a sida.

Vestido "Keith" de DIno Alves
Fotogaleria
Vestido "Keith" de Dino Alves,Vestido "Keith" de Dino Alves Pedro Nóbrega,Pedro Nóbrega
Keith Haring na Pop Shop em 1986
Fotogaleria
Keith Haring na Pop Shop em 1986
Criação de Keith Haring para a Madonna em 1984
Fotogaleria
Criação de Keith Haring para a Madonna em 1984
Esboço da criação "Keith" de Dino Alves
Fotogaleria
Esboço da criação "Keith" de Dino Alves
Vestido "Keith" de DIno Alves
Fotogaleria
Vestido "Keith" de DIno Alves Pedro Nóbrega

Branco e com uma cauda longa, “Keith” é o nome do vestido criado por Dino Alves, que vai ser apresentado no final desta semana, na ModaLisboa e, mais tarde, será vendido em leilão. O valor reverterá, por completo, para a Ser+ Associação Portuguesa para a Prevenção e Desafio à Sida. A peça pretende retratar as várias facetas da obra do artista norte-americano, sobretudo a componente pictórica e gráfica. “O tipo de registo e de expressão gráfica de Keith Haring serviram para que me inspirasse e criasse algo novo, como se o artista ainda fosse vivo e criasse”, explica o designer português num comunicado a que o PÚBLICO teve acesso.

A cauda de três metros é como uma tela física, quando fixada numa grade madeira, para exposição, e que pode ser retirada quando o vestido for utilizado. A parte superior da criação simboliza o body painting, suporte utilizado com frequência por Keith Haring. As mangas do vestido, feitas em malha second-skin, são adornadas com registos gráficos originais pensados pelo criador português.

A criação “Keith” (Setembro de 2019) será apresentada no próximo sábado, na ModaLisboa. Depois, o vestido estará exposto entre 23 a 27 de Outubro na sede da Cabral Moncada Leilões, em Lisboa, e os lucros do leilão, a realizar no dia 28, às 19h30, reverterão na totalidade para a Ser +. O preço base de licitação é de dois mil euros.

Dino Alves é embaixador da exposição “Keith Haring. Entre a arte, o activismo e a moda”, patente no CascaiShopping até 10 de Novembro, em Cascais. Estão expostas 17 obras do período mais criativo do artista norte-americano, incluindo a réplica do mítico casaco usado por Madonna em 1984.

PÚBLICO -
Foto
Madonna na festa de anos de Keith Haring em 1984 com o conjunto criado pelo artista plástico.

A iniciativa está integrada no calendário de actividades de responsabilidade social no âmbito do 30.º Aniversário da Fundação Keith Haring em 2019. O objectivo é perpetuar o legado artístico do artista e angariar fundos para a luta contra a sida.

Keith Haring foi um artista plástico norte-americano, conhecido pelo activismo e por promover o diálogo em torno da luta contra a sida. Em 1988, foi diagnosticado com o vírus do VIH. Um ano mais tarde, criou a fundação epónima, cuja principal missão é apoiar associações sem fins lucrativos na educação, prevenção e cuidados às pessoas que vivem com a doença. O artista criou mais de 50 obras públicas em cidades de todo o mundo, muitas em instituições de solidariedade social, hospitais, creches e orfanatos. Keith Haring morreu em 1990, aos 31 anos, vítima de complicações relacionadas com o VIH.