Shanna Camilleri/Unsplash
Foto
Shanna Camilleri/Unsplash

Roupas esquecidas no armário? Há três eventos onde as podes trocar

Nem todas as roupas esquecidas no fundo do armário têm de lá ficar. Para “encorajar a renovação de guarda-roupas de forma sustentável e consciente”, há associações que organizam trocas de roupa. Reunimos três eventos, marcados para os próximos dias, em Lisboa, Oeiras e Coimbra.

Lisboa, 8 de Fevereiro

A sede da UMAR (União de Mulheres Alternativa e Resposta), em Alcântara, Lisboa, prepara-se para abrir portas a uma troca de roupa para pessoas “trans” e não-binárias. O evento, organizado pela TransMissão: Associação Trans e Não-Binária, está marcado para o próximo sábado, 8 de Fevereiro, entre as 14h30 e as 18h30. A entrada é livre.

“Direccionado a pessoas ‘trans' e não binárias, que podem levar acompanhantes cis”, a troca de roupa quer “ajudar quem quer expressar-se através do vestuário e não tem capacidade financeira ou não se sente à vontade a comprar em lojas tradicionais”, escreve a TransMissão ao P3. “A ideia é ter roupas doadas disponíveis para quem quiser experimentar e levar e que os participantes tragam roupas que já não queiram para doar”, explicam.

Depois de piqueniques, refeições comunitárias em épocas como a natalícia, ou “eventos de cariz político”, esta é a primeira vez que a associação promove uma troca de roupa, que também vai contar com uma “pessoa artista não-binária”, que irá dar um workshop durante o evento, “para quem quiser aprender técnicas”. Também são aceites doações de maquilhagem.

Oeiras, 5 de Março

Criada “com o objectivo de simplificar e encorajar a renovação de guarda-roupas de forma sustentável e consciente”, a Mind the Switch organiza, pela terceira vez, uma troca de roupas. O evento vai decorrer num espaço privado, cuja morada será dada após compra do bilhete. 

Agendado para 5 de Março, em Caxias, o evento conta com “workshops de upcycling, tapas, bebidas e boa música” — além da troca de roupa. Os participantes devem levar para troca, no máximo, cinco peças, que serão trocadas por fichas. Depois, é só trocar as fichas por “novas” peças.

As vagas são limitadas (os interessados podem inscrever-se através do Instagram ou do e-mail geral.mindtheswitch@gmail.com) e a entrada custa 25 euros. 

Coimbra, 14 de Março

A Casa da Esquina, em Coimbra, volta a organizar uma troca de roupa onde “todas as peças de vestuário são bem-vindas”. Os participantes devem levar até 15 peças de roupa para trocar — sendo que podem ser de adulto ou criança e “devem estar em bom estado, lavadas e sem pêlos ou borboto”. E se não tiverem roupas para trocar, não há problema, “há pano que chegue para todos”. 

A organização disponibiliza espaço para pendurar as roupas, mas aconselha os participantes a trazerem os seus próprios cabides. A data: 14 de Março, entre as 15 e as 18 horas. O local ainda não está definido, mas será confirmado na página de Facebook da associação. 

Sugerir correcção