Uma “remontada” para a história

A reboque do jogo de amanhã entre o Barcelona e o surpreendente Getafe, recordamos a edição de 2006-07 da Taça do Rei.

Daniel Guiza festeja o segundo dos quatro golos do Getafe
Foto
Daniel Guiza festeja o segundo dos quatro golos do Getafe Andrea Comas/Reuters

Camp Nou encheu-se como de costume e, como era quase sempre regra, a equipa do Barcelona deu espectáculo: marcou cinco golos — um dos quais, de Lionel Messi, é considerado dos melhores da história do clube — e praticamente carimbou o bilhete para a final da Taça do Rei da época 2006-07. Depois do 5-2 da primeira mão, toda a gente olhou para o segundo jogo como um pró-forma. Toda a gente? Não. Nos arredores de Madrid, na pequena cidade de Getafe, um punhado de irredutíveis castelhanos tinha outras ideias. Numa das mais impressionantes “remontadas” de que há registo no futebol espanhol, o Getafe venceu por 4-0 e seguiu para a final.