Fotogaleria

Aos 104 anos, Bill White recebeu milhares e milhares de cartões de São Valentim

O centenário e veterano da Segunda Guerra, o norte-americano Bill White, queria fazer um álbum de recortes com cartões do Dia dos Namorados.

Major Bill White, um veterano da Marinha de 104 anos que lutou e foi ferido na batalha da Segunda Guerra Mundial por Iwo Jima, com as bisnetas no lar Kate Munsch/REUTERS
Fotogaleria
Major Bill White, um veterano da Marinha de 104 anos que lutou e foi ferido na batalha da Segunda Guerra Mundial por Iwo Jima, com as bisnetas no lar Kate Munsch/REUTERS

O major Bill White, um veterano da Marinha de 104 anos, que lutou e foi ferido na batalha da Segunda Guerra Mundial por Iwo Jima, recebeu milhares de cartões do Dia dos Namorados.

Desde pequeno que sempre gostou de fazer álbuns com recortes, já a mãe guardava cartões e cartas, recorda. Por isso, propôs-se, no lar onde vive, receber alguns cartões pelo dia de São Valentim, dos familiares e amigos.

A verdade é que o seu desejo espalhou-se, foram feitas notícias sobre a vontade do centenário e, pouco a pouco, chegaram a Stockton, California, milhares de cartões, de todo o mundo. Até ao início do mês, eram 50 mil e, até hoje, o lar esperava receber cerca de 100 mil cartões, que são todos abertos e lidos.

Milhares de cartões do Dia dos Namorados foram enviados ao major Bill White
Milhares de cartões do Dia dos Namorados foram enviados ao major Bill White Kate Munsch/REUTERS
O veterano lutou e foi ferido na batalha por Iwo Jima, durante a Segunda Guerra Mundial
O veterano lutou e foi ferido na batalha por Iwo Jima, durante a Segunda Guerra Mundial Kate Munsch/REUTERS
O antigo militar recebeu milhares de cartões que chegaram de todo o mundo
O antigo militar recebeu milhares de cartões que chegaram de todo o mundo Kate Munsch/REUTERS
A sala de jantar da residência sénior onde o veterano vive foi decorada com alguns dos cartões que Bill White recebeu
A sala de jantar da residência sénior onde o veterano vive foi decorada com alguns dos cartões que Bill White recebeu Kate Munsch/REUTERS
Bill White no meio dos cartões e presentes que recebeu
Bill White no meio dos cartões e presentes que recebeu Kate Munsch/REUTERS
Bill White brinca com a neta Abigail Sawyer, 9 anos, com um dos presentes que recebeu enquanto a filha Mary Hustonum arruma os cartões
Bill White brinca com a neta Abigail Sawyer, 9 anos, com um dos presentes que recebeu enquanto a filha Mary Hustonum arruma os cartões Kate Munsch/REUTERS
O veterano sempre gostou de guardar recordações
O veterano sempre gostou de guardar recordações Kate Munsch/REUTERS
Bill White gosta de ordenar e fazer colagens
Bill White gosta de ordenar e fazer colagens Kate Munsch/REUTERS
A bisneta de 9 anos, Abigail Sawyer, lê um cartão
A bisneta de 9 anos, Abigail Sawyer, lê um cartão Kate Munsch/REUTERS
Até dia 4 de Fevereiro tinham chegado ao lar mais de 50 mil cartões
Até dia 4 de Fevereiro tinham chegado ao lar mais de 50 mil cartões Kate Munsch/REUTERS
A bisneta de 7 anos, Nicole Sawyer, lê um dos cartões que o bisavô recebeu
A bisneta de 7 anos, Nicole Sawyer, lê um dos cartões que o bisavô recebeu Kate Munsch/REUTERS
Além de cartões comerciais também chegaram feitos à mão e outros presentes
Além de cartões comerciais também chegaram feitos à mão e outros presentes Kate Munsch/REUTERS
A bisneta e a filha com o veterano
A bisneta e a filha com o veterano Kate Munsch/REUTERS
Em 1945, Bill White foi enviado para a ilha do Pacífico Iwo Jima
Em 1945, Bill White foi enviado para a ilha do Pacífico Iwo Jima Kate Munsch/REUTERS
Na batalha, o veterano foi ferido e reenviado para os EUA, contra a sua vontade, diz
Na batalha, o veterano foi ferido e reenviado para os EUA, contra a sua vontade, diz Kate Munsch/REUTERS
O cartão de que mais gostou é aquele que mostra a imagem icónica da bandeira americana a ser erguida no Monte Suribachi.
O cartão de que mais gostou é aquele que mostra a imagem icónica da bandeira americana a ser erguida no Monte Suribachi. Kate Munsch/REUTERS
A família ajuda Bill White a abrir toda a correspondência recebida
A família ajuda Bill White a abrir toda a correspondência recebida Kate Munsch/REUTERS
Durante anos, depois da Guerra, trabalhou no departamento da polícia de Huntington Beach
Durante anos, depois da Guerra, trabalhou no departamento da polícia de Huntington Beach Kate Munsch/REUTERS
O seu segredo para a longevidade? "Continuar a respirar", responde
O seu segredo para a longevidade? "Continuar a respirar", responde Kate Munsch/REUTERS
Sugerir correcção