Morreu um dos galgos retirados ao cavaleiro tauromáquico João Moura

Os 18 cães resgatados encontravam-se com sinais de subnutrição. A GNR divulgou várias imagens dos animais e garantiu que estes estariam a receber cuidados veterinários.

Foto
GNR

Um dos 18 cães que foi, na quarta-feira, resgatado pela GNR da herdade do cavaleiro tauromáquico João Moura morreu esta quinta-feira. Segundo apurou o PÚBLICO junto de uma associação de protecção animal, dois dos animais foram entregues aos cuidados de particulares e os restantes foram distribuídos por duas outras associações. A página Amigos dos Animais Costa de Caparica também partilhou imagens dos cães resgatados ainda no camião da GNR, referindo que um dos animais morreu ao cuidado de uma das família de acolhimento.

Esta quarta-feira, João Moura foi detido pela GNR por suspeitas de maltratar cães. Foi depois libertado e constituído arguido.

PÚBLICO -
GNR
PÚBLICO -
GNR
Fotogaleria
GNR

A detenção surgiu na sequência de uma investigação levada a cabo desde a segunda quinzena de Janeiro pelo Serviço de Protecção da Natureza e do Ambiente (Sepna) da Guarda Nacional Republicana, que foi alertada para o que se estava a passar na herdade que esta figura da tauromaquia portuguesa tem, em Monforte, pelos colegas de Portalegre. Segundo fonte da GNR, era comum os animais fugiram para a estrada. Numa dessas ocasiões, alguns dos cães foram interceptados pelos agentes no meio da via e ao encaminhá-los para a herdade repararam que já estavam em estado se subnutrição.

Algumas semanas depois, os guardas, que se fizeram acompanhar por um veterinário, apreenderam 18 galgos que se encontravam com sinais de maus tratos. Também o veterinário municipal confirmou nesta quarta-feira que, apesar se tratar de uma raça magra, estes animais estavam abaixo de um peso aceitável. Vários outros animais foram deixados na herdade, por não apresentarem indícios de maus tratos.

Esta quinta-feira, a GNR divulgou várias imagens dos 18 animais resgatados e garantiu que estes estariam a receber cuidados veterinários.