Torne-se perito

Hosni Mubarak, o ditador que viveu o suficiente para ver derrotada a revolução que o depôs

O antigo Presidente do Egipto, que governou com mão-de-ferro durante 30 anos e morreu esta terça-feira aos 91 anos. A Primavera árabe que o depôs não aguentou tanto tempo.

,Primavera Árabe
Foto
Hosni Mubarak dependeu da repressão e de alianças com o Ocidente para governar o Egipto durante 30 anos Youssef Boudlal/Reuters

Hosni Mubarak traçou o seu destino a 10 de Fevereiro. Havia dias que manifestantes saíam à rua, enfrentando a repressão, e esperavam que o então Presidente egípcio anunciasse a sua demissão. Em vez disso, em tom paternalista e cheio de apelos à conciliação, prometeu ouvir quem protestava, ao mesmo tempo que na Praça Tharir, do Cairo, as forças de segurança disparavam balas contra os manifestantes.