PS mantém presidenciais em aberto

António Costa pediu ao partido para ir pensando nas presidenciais, depois de Daniel Adrião ter sinalizado os riscos de os socialistas não terem candidato. Em nome da direcção, Porfírio Silva admitiu esses mesmos riscos.

O líder do PS, António Costa, adiou uma posição sobre presidenciais para mais tarde
Foto
O líder do PS, António Costa, adiou uma posição sobre presidenciais para mais tarde LUSA/JOSÉ SENA GOULÃO

Ao contrário do que o núcleo-duro da direcção do PS queria, as presidenciais foram o assunto central da reunião da comissão política, na quinta-feira à noite, no novo espaço do partido, o Centro da Esquerda. E não só foi o assunto principal, como da reunião resultou que o PS mantém em aberto uma posição sobre as eleições de Janeiro de 2021.