Fábricas portuguesas de automóveis escrevem a Siza Vieira a pedir apoio

Depois do desastre nas vendas, revelado na semana passada, directores e presidentes enviaram uma carta ao Governo a insistir na inclusão de ajuda no Orçamento Suplementar.

Imposto sobre veículos automotores
Foto
Paulo Pimenta

Os responsáveis das quatro fábricas que produzem carros em Portugal escreveram uma carta ao ministro da Economia numa última tentativa para conseguir um programa de apoio específico ao sector. Os directores ou presidentes da Autoeuropa (Palmela), da PSA (Mangualde), da Toyota Caetano (Ovar) e da Mitsubishi (Abrantes) sustentam que é preciso um programa de apoio à retoma de um sector que, depois da pandemia, perdeu o brilho na exportação e o fulgor das dezenas de milhares de postos de trabalho que assegura.