Biologia e Geologia: um exame “acessível” para quem esteve “atento nas aulas”

Esta sexta-feira realizou-se o exame nacional de Biologia e Geologia de 11.º ano. Na Escola Secundária Filipa de Vilhena, no Porto, o sentimento é comum: foi um exame “acessível”.

exames-nacionais-2020,educacao,sociedade,
Foto
Paulo Pimenta

No dia do exame nacional de Biologia e Geologia, o PÚBLICO esteve na Escola Secundária Filipa de Vilhena, no Porto. Nesta escola, 129 alunos fizeram a prova à disciplina. À saída, alguns dos estudantes responderam a um inquérito acerca do exame.

1. Como correu o exame?

2. Correspondeu à matéria leccionada nas aulas?

3. O que gostavas que tivesse saído e não saiu?

4. Qual foi a pergunta ou tópico que correu pior?

Eduardo Rocha, 18 anos, Ciências e Tecnologias

PÚBLICO -
Foto
Inês Pinto da Costa

1. Correu bem. Estava preparado.

2. Sim, não houve surpresas. Foi acessível.

3. Eu sinto que não havia muito por onde escolher, estava preparado.

4. Talvez a última questão, que falava da zona de subducção.

Beatriz Silva, 16 anos, Ciências e Tecnologias

PÚBLICO -
Foto
Inês Pinto da Costa

1. Correu mais ou menos. Algumas das perguntas achei mais complicadas mas, no geral, correu mais ou menos.

2. Sim, correspondeu.

3. Eu estudei tudo por isso estava preparada para tudo.

4. A parte de biologia correu pior, achei que fosse ser mais fácil. 

Afonso Guimarães, 17 anos, Ciências e Tecnologias

PÚBLICO -
Foto
Inês Pinto da Costa

1. Correu bastante bem, estava minimamente preparado.

2. Sim, não saiu nada que não tivesse sido dado.

3. Nada, acho que não podia ter sido melhor, por acaso. A parte difícil não saiu. 

4. Há assim uma ou outra pergunta que podiam ter ficado melhor e que podia ter completado mais, mas correu bem.

Raquel Viana, 17 anos, Ciências e Tecnologias

PÚBLICO -
Foto
Inês Pinto da Costa

1. Correu bem. Eu achei o exame acessível para quem estudou. 

2. Demos tudo, sim.

3. A mitose. Eu acho que não saiu muito essa parte e eu gostava que tivesse saído.

4. Talvez biologia tenha sido a pior parte.

Rodrigo Araújo, 16 anos, Ciências e Tecnologias

PÚBLICO -
Foto
Inês Pinto da Costa

1. Correu muito bem. Achei o exame acessível, saiu muita da matéria que estávamos à espera e os professores avisaram-nos e prepararam-nos bem. Mesmo tendo algumas dificuldades em algumas perguntas, acho que era extremamente acessível para quem estudasse e, mesmo para quem não estudasse, bastava estar atento nas aulas para ter uma excelente nota.

2. Não houve “matéria-surpresa”, foi tudo leccionado durante as aulas. 

3. Acredito que nada.

4. Nada correu pior. Respondi a tudo portanto estou contente. 

Joana Moreira, 16 anos, Ciências e Tecnologias

PÚBLICO -
Foto
Inês Pinto da Costa

1. Correu bem.

2. Sim, demos tudo.

3. Honestamente não sei, nada em específico. 

4. Acho que só quando vir os critérios é que vou perceber o que correu mal ou bem.

Texto editado por Pedro Sales Dias

Sugerir correcção