Nesta praia italiana, os cães também são nadadores-salvadores

GUGLIELMO MANGIAPANE/Reuters
Fotogaleria
GUGLIELMO MANGIAPANE/Reuters

Um grupo de mulheres da Escola Italiana de Cães de Resgate juntou os animais às sessões de treino que precedem o patrulhamento das praias durante a época balnear. O objetivo é garantir a segurança dos banhistas em Riva dei Tarquini, a 100 quilómetros de Roma.

À semelhança da equipa feminina de nadadoras-salvadoras, que se prepara com equipamento técnico e específico para o patrulhamento das praias, também os cães são equipados. Antes de iniciarem o treino, as responsáveis preparam os animais com um colete salva-vidas. A segurança da patrulha é, assim, garantida para ambas as partes que a constituem. 

Durante a vigia, os cães são treinados para os diferentes ambientes e podem ser uma grande ajuda na hora de retirar alguém em apuros da água. A patrulha faz-se acompanhar pelos cães, tanto no areal como no mar, e, ao treinarem em conjunto, aprofundam a relação. 

GUGLIELMO MANGIAPANE/Reuters
GUGLIELMO MANGIAPANE/Reuters
GUGLIELMO MANGIAPANE/Reuters
GUGLIELMO MANGIAPANE/Reuters
GUGLIELMO MANGIAPANE/Reuters
GUGLIELMO MANGIAPANE/Reuters
GUGLIELMO MANGIAPANE/Reuters
GUGLIELMO MANGIAPANE/Reuters
GUGLIELMO MANGIAPANE/Reuters
GUGLIELMO MANGIAPANE/Reuters
GUGLIELMO MANGIAPANE/Reuters
GUGLIELMO MANGIAPANE/Reuters
GUGLIELMO MANGIAPANE/Reuters
GUGLIELMO MANGIAPANE/Reuters
GUGLIELMO MANGIAPANE/Reuters
GUGLIELMO MANGIAPANE/Reuters
GUGLIELMO MANGIAPANE/Reuters
GUGLIELMO MANGIAPANE/Reuters
GUGLIELMO MANGIAPANE/Reuters
GUGLIELMO MANGIAPANE/Reuters
GUGLIELMO MANGIAPANE/Reuters
GUGLIELMO MANGIAPANE/Reuters
Sugerir correcção