Derlin Newey e a família de Carlos Valdez no momento em que entregaram o donativo
Foto
Derlin Newey e a família de Carlos Valdez no momento em que entregaram o donativo KSL TV/DR

Utilizadores do TikTok doam 12 mil dólares a homem de 89 anos que trabalha a entregar pizzas

Derlin Newey, de 89 anos, não sabia o que era o TikTok, mas ficou quase sem palavras quando recebeu 12 mil dólares dos utilizadores da aplicação. O idoso decidiu entregar pizzas porque o dinheiro que recebe mensalmente da segurança social norte-americana não chega para pagar as suas contas.

Um homem de 89 anos que trabalha nos Estados Unidos a entregar pizzas recebeu uma gorjeta inesperada de 12 mil dólares (o equivalente a cerca de 10 mil euros) de um cliente habitual: a família Valdez, que conta com milhares de seguidores no TikTok, onde partilha vídeos do entregador de pizzas Derlin Newey. Era sempre o seu nome que indicavam quando encomendavam uma pizza.

A quantia foi angariada pelos seguidores da família, que gostavam de acompanhar as entregas do homem de 89 anos, ainda que não entendessem a razão pela qual alguém com a sua idade precisasse de trabalhar. Derlin Newey trabalha cerca de 30 horas por semana na cadeia de pizzas Papa John’s. Segundo afirmou o próprio à televisão KSL, decidiu começar este trabalho porque percebeu que os rendimentos que recebia da segurança social não eram suficientes para pagar as despesas. Newey vive sozinho no estado norte-americano do Utah.

“Como é que alguma vez poderei agradecer? Nem sei o que dizer”, afirmou Newey, de lágrimas nos olhos, quando a família se deslocou à sua casa móvel para lhe entregar a quantia angariada no TikTok, doada pelos seguidores da família Valdez. Ao todo, são mais de 68 mil pessoas que seguem a família na rede social, onde iam vendo os vídeos do homem a entregar pizzas, sempre bem-disposto, enquanto perguntava “andam à procura de alguma pizza?”.

Alguns dos seguidores perguntavam por que é que alguém com quase 90 anos ainda tinha de trabalhar e os Valdez decidiram pedir ajuda a quem os seguia. “Uma pessoa com a idade dele não deveria ter de trabalhar tanto”, admitiu Carlos Valdez, um dos gestores da conta que tem com a mulher e a filha.

Conseguiram um total de 12.069 dólares, entregue com um cheque assinado em nome da “família TikTok”. Apanhado de surpresa, Newey não sabia o que era o TikTok – e disse que “nem sabia o que dizer, só obrigado”. Numa das gravações, Newey pergunta: “Então todas as vossas pessoas na Internet me conhecem? De entregar pizza?”

“É de loucos. Toda a gente o adora”, afirmou Carlos Valdez. “Ele precisava disto e fico mesmo contente que o tenhamos conseguido ajudar. Precisamos de tratar as pessoas com bondade e com respeito, da mesma forma que ele o faz. Derreteu os nossos corações.”

Sugerir correcção