Resposta à pandemia dá a Jacinda Ardern e aos Trabalhistas o melhor resultado em 50 anos

Vitória esmagadora da primeira-ministra que quis trazer “o amor” para a política permite formar governo de partido único, algo que não acontece desde 1996. Num “mundo cada vez mais polarizado”, disse Ardern, a Nova Zelândia mostrou que “sabe ouvir e debater”.

covid19,coronavirus,mundo,eleicoes,nova-zelandia,oceania,
Foto
Jacinda Ardern agradeceu o apoio do partido e dos neozelandeses EPA/DAVID ROWLAND

As sondagens antecipavam há meses uma vitória bastante confortável, mas não previam o resultado histórico obtido pela primeira-ministra, Jacinda Ardern, nas eleições legislativas deste sábado na Nova Zelândia: Ardern e o seu Partido Trabalhista, de centro-esquerda, chegaram perto dos 50% dos votos, o que lhes deverá permitir controlar 64 dos 120 lugares do Parlamento.