Portugal com menos mortes e novos casos do que na sexta. Novas infecções há quatro dias acima dos 2000

Há 1014 doentes internados, 148 dos quais em unidades de cuidados intensivos (mais quatro do que na sexta-feira). Norte do país regista maior aumento de novos casos e mais mortes.

sarscov2,covid19,coronavirus,direccaogeral-saude,sociedade,portugal,
Foto
Rui Gaudêncio

Portugal registou menos óbitos e menos novos casos do que na sexta-feira, mas, ainda assim, está há quatro dias seguidos acima das 2000 novas infecções diárias por SARS-CoV-2. Neste sábado, 17 de Outubro, o boletim da Direcção-Geral da Saúde dá conta de que morreram 13 pessoas nas últimas 24 horas por causa da covid-19, quando na sexta tinham sido 21.

Há neste sábado mais 2153 novos casos de infecção, em relação aos 2608 verificados no balanço anterior, ou seja, menos 455 novos casos. No total, desde o início da pandemia no país já foram infectadas 98.055 pessoas.

O número de pessoas recuperadas também aumentou em relação ao último balanço: na sexta-feira, mais 985 pessoas tinham recuperado; neste sábado, o número de pessoas que recuperaram nas últimas 24 horas é de 1853. A taxa de letalidade mantém-se nos 2,2% (o total de óbitos desde o início da pandemia no país é de 2162). E há, neste momento, 37.974 casos activos, mais 287 do que no boletim anterior.

Há menos uma pessoa em internamento, relativamente aos dados do dia passado. No total, há neste momento 1014 doentes internados, 148 dos quais em unidades de cuidados intensivos (mais quatro do que no dia anterior). E há mais 759 pessoas em vigilância, o que eleva este número para 52.543.

Quanto à distribuição dos casos pelo país, é na região de Lisboa e Vale do Tejo que se acumulam mais casos: 47.027, mais 781 do que no dia anterior. Esta zona regista ainda um total de 871 óbitos, mais cinco nas últimas 24 horas.

O Norte do país regista um total de 38.281 casos confirmados, mas o maior número de novas infecções: 1124 nas últimas 24 horas. Esta região soma ainda o maior número de óbitos no total (950), tendo registado seis mortes neste último balanço.

A região Centro registou mais 149 novos casos, num total de 7983. O número de óbitos é de 277, sem qualquer morte nas últimas 24 horas. O Algarve apresenta um total de 2171 casos confirmados, um acréscimo de 47 em relação aos últimos dados. Há 22 óbitos, tendo sido registada uma morte nas últimas 24 horas. O Alentejo regista 42 novas infecções e um total de 1956 casos confirmados. Quanto ao número de óbitos, este é de 27 e houve mais uma morte, em relação aos últimos dados.

A Madeira soma 320 casos, mais três verificados nas últimas 24 horas, e nenhum óbito. Já os Açores, embora sem qualquer óbito no último dia, registam 15 mortes no total. Quanto aos casos, há sete novas infecções num total de 317.

Do total de casos confirmados até hoje, 44.622 são homens e 53.433 mulheres. Em números absolutos, foi entre as mulheres, e na faixa etária dos 40 aos 49, que se registou até agora o valor mais elevado (8815). No que se refere ao número total de óbitos, 1087 foram homens e 1075 mulheres. Até ao momento, o grupo mais afectado foi o das mulheres com mais de 80 anos (814 mortes).

Sugerir correcção