Câmara de Lisboa vai baixar rendas aos inquilinos com quebras de rendimento

Município apresentou um pacote de medidas de apoio para empresas do sector do comércio e restauração, famílias com quebra de rendimentos e para a cultura. Entre as medidas, há 20 milhões de euros a fundo perdido para lojas e restaurantes e dois milhões para empresas do sector cultural.

Foto
Câmara vai apoiar a melhoria de condições das esplanadas para o Inverno Rui Gaudencio

Os inquilinos que habitem em casas da Câmara de Lisboa e tenham uma quebra comprovada de rendimento decorrente da situação de pandemia vão poder solicitar uma revisão do valor da renda. Segundo anunciou o presidente da Câmara de Lisboa, Fernando Medina, o município vai avançar com um “ajuste de rendas nos fogos municipais” para famílias com quebras de rendimento. Desta forma, a renda será actualizada tendo em conta a actual capacidade do agregado familiar, de modo a não elevar a taxa de esforço necessária ao pagamento.