Camila, a amante dos livros, vai ter o seu Clube de Leitura

A mulher do príncipe Carlos, o primeiro na linha de sucessão ao trono britânico, é conhecida por apoiar instituições de promoção da alfabetização.

Foto
LUSA/WILL OLIVER

O anúncio foi feito por Clarence House, a casa oficial do príncipe Carlos: Camila vai ter um clube de leitura que se chamará Duchess of Cornwall’s Reading Room (numa tradução livre, a Sala de Leitura da Duquesa da Cornualha). Na última década, a mulher do príncipe herdeiro, foi dando a conhecer o seu interesse e paixão pelos livros, pela leitura e sua promoção.

A duquesa da Cornualha apoia sete instituições de caridade que promovem a alfabetização e tornou-se uma presença constante na cerimónia anual do Prémio Man Booker, mesmo durante a pandemia, recorda a Vanity Fair. Aliás, o período de confinamento devido ao coronavírus inspirou-a a seguir os passos de Barack Obama e a compartilhar recomendações de livros, lançando uma lista dos seus livros preferidos nos passados meses de Abril e Agosto.

O primeiro encontro oficial deste novo clube de leitura, que já tem conta no Instagram, será já no próximo dia 15 de Janeiro, data em que Camila partilhará quatro títulos. No entanto, o clube já está em funcionamento e a sua criadora já se encontrou com o artista Charlie Mackesy, à distância, como mandam as regras da covid-19, com quem conversou sobre o seu livro O Menino, a Toupeira, a Raposa e o Cavalo, de 2018, publicado em Portugal no passado mês de Novembro.

O objectivo deste clube de leitura é promovê-la com o cuidado de não ser apenas para elites, mas que chegue a todo o tipo de leitores e de todas as idades, refere uma fonte do palácio ao Daily Mail. A intenção é que as pessoas compreendam os “benefícios emocionais, sociais e educativos da leitura”, refere a mesma fonte. “Em última análise, a sua esperança é que isso [o clube] coloque mais livros nas mãos de mais pessoas”, refere ainda. Para o The Sun, Camila pode ter um impacto nas vendas de títulos como nos EUA acontece com os clubes de leitura da apresentadora Oprah ou da actriz Reese Witherspoon.