Ano novo, brinquedos novos? Escolha doar os que já não usa mas que estão bons

Loja de brinquedos online Benji disponível para receber brinquedos com os quais já ninguém brinca e doá-los a associações.

Foto
Sandy Millar/Unsplash

Com a fúria do Natal e o desembrulhar de novos brinquedos alguns já se tornam obsoletos porque a criança cresceu ou porque deixou de brincar com eles. Se estão bons, por que não doá-los? A proposta é da Benji, a marca portuguesa de venda de brinquedos online. A proposta é que os entregue nos escritórios da empresa, em Lisboa, e esta encarrega-se de entregar a diversas associações de solidariedade de apoio a crianças.

A marca propõe ainda que todos os que se juntarem a esta acção, a que chamou “Rebrincar”, recebem um código promocional de 10% para utilizarem na primeira compra da loja online da Benji“Mais do que levarmos novos brinquedos aos que mais gostamos, na Benji acreditamos que o mais importante é que todas as crianças possam ter um brinquedo adequado à sua idade e características. É por isso mesmo que queremos dar uma nova casa a todos os brinquedos que agora estão na gaveta, mas que podem continuar a cumprir a sua missão de levar a alegria às crianças”, explica João Leitão, co-fundador da marca, em comunicado à imprensa.

Depois de entregar ou enviar por correio os seus brinquedos, estes serão entregues, para já, à Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, à Casa do Gaiato de Lisboa e à Câmara Municipal de Cascais, sem qualquer custo associado. No entanto, a empresa está disponível a fazê-los chegar a outras associações que trabalhem com crianças.