A voz alternativa da Rússia

Navalny representa uma nova geração, um novo modelo de oposição que mobiliza a sociedade e desafia o regime de Putin.

Contra o frio do Inverno, o medo da pandemia e a brutalidade da polícia, os protestos tomaram conta da rua, em mais de cem cidades russas. Houve multidões pacíficas, violência policial e mais de três mil quinhentos presos. Contra o que protestavam os manifestantes? Contra a prisão de Navalny, o dissidente mais famoso da Rússia de Putin. E, provavelmente, manifestavam-se não tanto a favor Navalny, mas contra o que o regime lhe fez. Primeiro envenenou-o e, agora, prende-o. Protestam contra a arbitrariedade, a ausência de lei e o abuso de poder. E, de caminho, contra a corrupção e o autoritarismo.