Dez boas razões para assinar o PÚBLICO num clique

Veja aqui as vantagens de assinar o seu jornal: do acesso ilimitado às nossas publicações a descontos em eventos e produtos e à possibilidade de oferecer artigos a quem quiser

Acesso ilimitado a todos os artigos

Quem subscreve PÚBLICO tem acesso ilimitado à melhor cobertura da actualidade, premiada em tempos de pandemia, à opinião mais plural da imprensa portuguesa, nomeadamente a todos os textos de leitura exclusiva para assinantes, a trabalhos de profundidade que distinguem o PÚBLICO da concorrência, reportagens, vídeos, podcasts, infografias e outros formatos essenciais para entender o país e o mundo. Diariamente, publicamos mais de uma centena de textos num site plural e diverso. Pode ler as grandes reportagens do P2, seguir as tendências cosmopolitas do P3 e as tendências culturais do ipsílon, as propostas de bem-estar da Ímpar, as sugestões de passeios, gastronomia e vinhos da Fugas, os filmes e as séries que não pode perder no Cinecartaz, o que ler no Leituras e, já agora, como relaxar, literalmente, no Relaxar.

Leitura antecipada da edição impressa

Quem assina o PÚBLICO pode ler a edição impressa nas primeiras horas da madrugada, no formato e-reader ou em PDF. Em breve, teremos uma nova edição em e-reader, que lhe vai permitir guardar artigos, ver edições anteriores, criar listas de favoritos e partilhar. Quem assina é quem lê primeiro o PÚBLICO.

Acesso gratuito ou com descontos a eventos

Em tempos de pandemia, não nos deixamos derrotar pela distância. Estamos mais próximos dos leitores por via  digital: criámos a plataforma Ao Vivo, na qual organizamos debates, workshops, concertos, e a Academia PÚBLICO, com a oferta de cursos online em colaboração com várias universidades. Todos os eventos prevêem condições especiais para quem assina o jornal (acesso gratuito ou descontos), porque os nossos assinantes merecem a fila da frente.

Acesso exclusivo a trabalhos multimédia

A informação de qualidade tem um preço. Os trabalhos de excelência digital do jornal são um privilégio, sejam as páginas interactivas que propõem ao leitor experiências de navegação mais inovadoras, sejam os trabalhos premiados de jornalismo de dados. Estes trabalhos, que implicam o envolvimento de várias equipas e que são pensados exclusivamente para o online, são um acréscimo de qualidade à informação que publicamos sete dias por semana.

Acesso a todas as infografias digitais

As principais infografias digitais do PÚBLICO, premiadas anualmente em concursos internacionais, são um exclusivo de quem assina. Diariamente, o jornal publica no seu site infografias sobre temas relacionados com a evolução da covid-19 ou com o ritmo de evolução da vacinação em Portugal e no mundo. Mas a infografia do PÚBLICO conta muitas outras histórias: como é eleito um Presidente dos EUA ou de onde vêm e para onde vão os financiamentos que nos chegam da Europa.

Oferta de artigos a quem quiser

O assinante do PÚBLICO pode oferecer todos os meses um número limitado de artigos a quem quiser, independentemente de o destinatário ser, ou não, assinante do jornal. Esta é uma das novidades que oferecemos ao assinante: escolha e ofereça os artigos, opiniões, vídeos ou trabalhos multimédia que sabe que os seus amigos ou familiares irão gostar de receber.

Acesso a jogos digitais

Tem cinco jogos à disposição, para jogar no computador, telefone ou tablet: palavras cruzadas, xadrez, bridge, sudoku ou fazer um puzzle. As palavras cruzadas digitais do PÚBLICO, as primeiras na imprensa online portuguesa, são feitas a partir das notícias do próprio jornal e têm autoria: Paulo Freixinho, o melhor cruciverbalista do país. O PÚBLICO usa a mesma plataforma que usam jornais como o The Washington Post ou o The Guardian.

Acesso exclusivo a ebooks

Crónica da pandemia, de João Maria Mendes, um relato dos nossos primeiros meses de vida com a covid-19, foi o primeiro ebook que colocámos na nossa Estante. Uma estante digital, em permanente actualização, para que os nossos leitores tenham algo mais para ler do que o noticiário diário e onde reunimos uma série de obras intemporais. Os assinantes podem folhear nesta estante ebooks de ensaios de Teresa de Sousa e Jorge Almeida Fernandes, crónicas de Miguel Esteves Cardoso ou uma colecção de quatro livros sobre a I Grande Guerra.

Usufrua de descontos na loja P e no Clube P

Assinar o PÚBLICO garante-lhe 15 por cento de descontos em todas as colecções do PÚBLICO, sejam elas de literatura, fotografia, banda desenhada, ciência, história, música, cinema, e também na aquisição de vinhos. Pode usufruir dos descontos online, na nossa Loja P, ou na loja física, no Edifício Diogo Cão, na Doca de Alcântara, em Lisboa. Assinar o PÚBLICO garante, também, a entrada no Clube P, que lhe oferece descontos e experiências exclusivas numa rede de 250 parceiros em todo o país.

Assinatura fácil e imediata

Hoje, assinar o PÚBLICO digital está à distância de um clique. Criámos um novo produto anual de 99,99 euros para novos assinantes que, para além de não ter nenhum formato de publicidade, ainda lhe permite associar uma outra pessoa à sua assinatura. Escolha a modalidade de assinatura que lhe convier, da forma mais simples. Pode optar pela assinatura digital, por assinar a edição online e impressa em conjunto, por uma solução corporate, sugerir como prenda ou oferecer como presente. E até pode fazê-lo em condições mais favoráveis, se for estudante. Para quem, neste momento, não pode pagar para ler o PÚBLICO, criámos o PSuperior, destinado a jovens universitários (veja aqui se o seu curso é elegível) e o PSolidário (assinaturas digitais para quem, subitamente, se viu no desemprego). Só há boas razões para ler o PÚBLICO. Em caso de dúvida, fale connosco.

Já agora, se assinar o PÚBLICO até 15 de Abril tem um desconto de 20%.

Pense bem, assine o PÚBLICO.