De uma antiga escola primária na serra de São Macário se fez uma residência de artistas para artistas

Daniel Moreira e Rita Castro Neves enamoraram-se por uma antiga escola primária em Macieira, no topo da serra de São Macário, em São Pedro do Sul. Dela fizeram uma casa que se abre a outros artistas, para ajudar a preservar a memória.

sao-pedro-sul,exposicao,viseu,artes,arquitectura,porto,
Fotogaleria
Nelson Garrido
sao-pedro-sul,exposicao,viseu,artes,arquitectura,porto,
Fotogaleria
Nelson Garrido

Uma guinada na estrada que trepa a serra de São Macário, em São Pedro do Sul, descobre uma placa que serve de presságio para o que aí vem: Café Salva Almas. Uns metros à frente do restaurante do escultor José de Almeida, cuja fama se estende Montanhas Mágicas abaixo, o GPS dá por terminada a sua tarefa, a mais de 1000 metros de altitude, muitos quilómetros de giesta e urze depois. Há uma rua a ser composta e trabalhadores que observam quem chega. “Onde fica a Escola de Macieira?!”, repete um deles, apontando para o portão em frente. “Foi onde estudei.” E prossegue rua abaixo, contornando as perguntas que pairam no ar.

Sugerir correcção
Comentar