Esperem pelo Natal e vão ver

Sabem aquela ideia de que o mar transmite paz? Nunca funcionou por aqui. É que o mar, a mim, na espuma de cada onda que me rebenta aos pés, parece atirar-me contra a pele a minha própria mortalidade.

Foto
Chad Madden/Unsplash

O meu nome é Carmen, tenho 35 anos, nasci em Évora no dia mais quente do ano de 1986 e não gosto do Verão. Atenção que não escrevo estas palavras de forma leviana e foi tão difícil chegar a esta conclusão que, mesmo depois de se ter tornado demasiado óbvia para mim, continuei a escondê-la de todos os outros. Acho até que sentia que este meu desprezo pela época estival era um bocadinho criminoso. É que em Portugal, ao que parece, é suposto todos gostarmos do Verão pelo que, assumir simplesmente que esta era, para mim, a pior e mais triste de todas as estações, soava quase a uma traição à pátria.

Sugerir correcção
Ler 37 comentários