Não há penálti na compensação do Marítimo-FC Porto

Da página 135 à 142 das Leis de jogo 2020-21, podemos ler, sob o título “Protocolo VAR – princípios, aspectos práticos e procedimentos”, tudo o que importa saber sobre o videoárbitro, e que deveria ser do conhecimento de todos - jogadores, treinadores e agentes desportivos em particular. De tudo o que lá está escrito, quero destacar o seguinte: quando um lance suscita dúvidas no que diz respeito à tomada de decisão em campo do árbitro, o protocolo não permite que o VAR mande proceder a uma visualização no monitor por parte do árbitro para confirmar a sua decisão.

Sugerir correcção
Comentar