UEFA ameaça boicotar plano da FIFA de organizar Mundial a cada dois anos

Presidente do organismo aponta que um calendário deste teor “vai contra os princípios básicos do futebol”. Gianni Infantino quer o processo de consulta finalizado ainda em 2021.

Foto
Aleksander Ceferin, presidente da UEFA Reuters/CATHERINE IVILL

O presidente da UEFA, Aleksander Ceferin, deixou nesta quinta-feira um aviso à FIFA, a reboque do plano, em equação, para tentar organizar um Campeonato do Mundo de futebol de dois em dois anos: se essa intenção for avante, o futebol europeu avançará com um boicote.