O regresso do Met Gala: uma celebração do A ao Z da moda

Viu-se tudo de tudo na passadeira vermelha do do Metropolitan Museum of Art, em Nova Iorque, desde a máscara preta de Kim Kardashian da cabeça aos pés, à homenagem de Billie Eilish a Marylin Monroe, passando pelos três looks de Lil Nas X.

museu,celebridades,impar,nova-iorque,moda,design,
Fotogaleria
Kim Kardashian com a uma criação de Kanye West em parceria com a Balenciaga EPA/JUSTIN LANE
,Museu Metropolitano de Arte
Fotogaleria
A silhueta de Kim Kardashian e o designer Demna Gvasalia no Met Gala Reuters/ANDREW KELLY,Reuters/ANDREW KELLY
museu,celebridades,impar,nova-iorque,moda,design,
Fotogaleria
Simone Biles usou uma criação Area que pesava 40 quilos EPA/JUSTIN LANE
,Vestido
Fotogaleria
Os assistentes ajudam a carregar o vestido de Simone Biles Reuters/MARIO ANZUONI,Reuters/MARIO ANZUONI
museu,celebridades,impar,nova-iorque,moda,design,
Fotogaleria
Alexandria Ocasio-Cortez e Aurora James chegam ao Met Gala. O vestido da democrata diz "Taxem os Ricos" e é uma criação da Brother Vellies EPA/JUSTIN LANE
museu,celebridades,impar,nova-iorque,moda,design,
Fotogaleria
Alexandria Ocasio-Cortez com um vestido Brother Vellies, acompanhada por Aurora James, a designer da marca Reuters/MARIO ANZUONI
Museu Metropolitano de Arte
Fotogaleria
A supermodelo Iman vestiu uma criação da designer emergente Harris Reed Reuters/MARIO ANZUONI
,Museu Metropolitano de Arte
Fotogaleria
Billie Eilish foi uma das estrelas da passadeira vermelha, com uma ode ao vestido que Marylin Monroe vestiu nos Óscares de 1951 Reuters/MARIO ANZUONI
,2021 Met Gala
Fotogaleria
Billie Eilish ou Marylin Monroe? EPA/JUSTIN LANE
,2021 Met Gala
Fotogaleria
Todo o coordenado foi complementado com 30 peças de joalharia Cartier, incluindo 25 anéis, um recorde para uma passadeira vermelha EPA/JUSTIN LANE
2021 Met Gala
Fotogaleria
Apesar de parecer um vestido pesado, a criação será muito leve. Aqui os assistentes ajudam a ajeitar o vestido para os fotógrafos EPA/JUSTIN LANE
,2021 Met Gala
Fotogaleria
O coordenado do rapper Lil Nas X assemelhou-se a boneca russa, onde a cada instante se iam descobrindo novas camadas na criação de Donatella Versace Reuters/MARIO ANZUONI
,Museu Metropolitano de Arte
Fotogaleria
A segunda camada era uma armadura dourada Reuters/MARIO ANZUONI
,Museu Metropolitano de Arte
Fotogaleria
Por fim, foi revelado um fato em cristais dourados com o clássico padrão da Versace Reuters/MARIO ANZUONI
Fotogaleria
O look final de Lil Nas X EPA/JUSTIN LANE
,Moda
Fotogaleria
Amanda Gorman em Vera Wang. A clutch da poetisa é em formato de livro Reuters/MARIO ANZUONI
,Museu Metropolitano de Arte
Fotogaleria
Amanda Gorman sorri para os fotógrafos Reuters/MARIO ANZUONI
Fotogaleria
Rihanna em Balenciaga de Demna Gvasalia EPA/JUSTIN LANE
Fotogaleria
Rihanna e ASAP Rocky, que veste um coordenado irrevente assinado por Eli Russell Linnetz Reuters/MARIO ANZUONI
Fotogaleria
A modelo Paloma Elsesser em Zac Posen Reuters/MARIO ANZUONI
Fotogaleria
Zoë Kravitz num vestido de cristais assinado pela Yves Saint Laurent EPA/JUSTIN LANE
,Museu Metropolitano de Arte
Fotogaleria
Jennifer Hudson chegou e arrasou num excêntrico coordenado vermelho da AZ Factory Reuters/MARIO ANZUONI
Fotogaleria
A cantora Jennifer Hudson Reuters/MARIO ANZUONI
Vestido de casamento
Fotogaleria
A actriz Yara Shahidi quis homenagear Josephine Baker em Christian Dior EPA/JUSTIN LANE
Fotogaleria
A modelo Kaia Gerber em Oscar de la Renta EPA/JUSTIN LANE
Fotogaleria
A filha de Diana Ross, a actriz Tracee Ellis Ross num "robe" Balenciaga Reuters/MARIO ANZUONI
Fotogaleria
A enteada de Kamala Harris, Ella Emhoff, com uma parceria entre a Adidas e Stella McCartney EPA/JUSTIN LANE
Fotogaleria
Debby Harry com Zac Posen, num criação do designer que faz lembrar a bandeira americana EPA/JUSTIN LANE
Fotogaleria
Irina Shayk com o criador Jeremy Scott. Veste, claro, Moschino EPA/JUSTIN LANE
Fotogaleria
Um dos casais mais badalados da música: Shawn Mendes e Camilla Cabello. Ambos vestem Mickael Kors EPA/JUSTIN LANE
,Moda
Fotogaleria
Jennifer Lopez saída do Faroeste com uma criação Ralph Lauren Reuters/MARIO ANZUONI
Fotogaleria
A cantora Megan Thee Stallion com um vestido Coach EPA/JUSTIN LANE
,2021 Met Gala
Fotogaleria
Serena Williams não teve, certamente, frio no Met Gala. Veste Gucci Reuters/MARIO ANZUONI
Fotogaleria
A artista Grimes levou uma espada para completar o coordenado Iris Van Herpen EPA/JUSTIN LANE
2021 Met Gala
Fotogaleria
O vestido de Naomi Osaka foi idealizado por Nicolas Ghesquière da Louis Vuitton, que usou um padrão desenhado pela irmã da tenista, inspirado na carpa, um símbolo da cultura japonesa Reuters/MARIO ANZUONI
2021 Met Gala
Fotogaleria
Naomi Osaka quis homenagear as suas origens japonesas Reuters/ANDREW KELLY
Fotogaleria
Eliott Page com smoking e ténis Balenciaga EPA/JUSTIN LANE
,2021 Met Gala
Fotogaleria
A modelo Karlie Kloss e Wes Gordon, o designer da Carolina Herrera EPA/JUSTIN LANE
,2021 Met Gala
Fotogaleria
Karlie Kloss foi uma das muitas estrelas que vestiu vermelho EPA/JUSTIN LANE
Fotogaleria
A cantora Lorde vestiu a marca Bode EPA/JUSTIN LANE
Fotogaleria
Cynthia Erivo mostra a invejável forma física em Moschino EPA/JUSTIN LANE
,2021 Met Gala
Fotogaleria
O cantor Troye Sivan em Altu, a nova colecção sem género de Joseph Altuzarra EPA/JUSTIN LANE
Fotogaleria
A embaixadora da Chanel Lily-Rose Depp vestiu, claro, a casa francesa EPA/JUSTIN LANE
,Moda
Fotogaleria
O actor Dan Levy com uma criação que mostra a universalidade da comunidade LGBTI, da autoria de Jonathan Anderson da Loewe Reuters/MARIO ANZUONI
Fotogaleria
Gigi Hadid apostou no glamour com um vestido Prada Reuters/MARIO ANZUONI
Fotogaleria
O vestido de Julia Garner com mais de 13 mil cristais é assinado por Stella McCartney Reuters/MARIO ANZUONI
2021 Met Gala
Fotogaleria
Saweetie cintilou (literalmente) em Christian Cowan EPA/JUSTIN LANE
,2021 Met Gala
Fotogaleria
Mais uma estrela de encarnado. Desta vez é Meghan Fox em Dundas Reuters/MARIO ANZUONI
Fotogaleria
A actriz Gemma Chan vestiu Prabal Garung, num tributo à primeira actriz chinesa a entrar em filmes de Hollywood, Anna May Wong EPA/JUSTIN LANE
2021 Met Gala
Fotogaleria
O filho de David e Victoria Beckman, Brooklyn com a noiva, a actriz Nicola Peltz. Ambos vestem Valentino EPA/JUSTIN LANE
Vestido de casamento
Fotogaleria
Alicia Keys Reuters/MARIO ANZUONI
Fotogaleria
Sienna Miller em Gucci Reuters/MARIO ANZUONI
,2021 Met Gala
Fotogaleria
O olhar de Justin Bieber tem dado que falar, pela tristeza que aparenta. A mulher Hailey veste Saint Laurent e o cantor está com fato Drew House Reuters/MARIO ANZUONI
,Museu Metropolitano de Arte
Fotogaleria
Kendall Jenner numa criação Givenchy, inspirada em Audrey Hepburn EPA/JUSTIN LANE
Fotogaleria
A actriz Tessa Thompson em Iris Van Herpen EPA/JUSTIN LANE
Fotogaleria
Gabrielle Union chegada do futuro com uma criação Iris Van Herpen EPA/JUSTIN LANE
Museu Metropolitano de Arte
Fotogaleria
Lupita Nyong’o com um penteado excêntrico e vestido Versace Reuters/MARIO ANZUONI
Fotogaleria
O penteado de Lupita Nyong’o EPA/JUSTIN LANE
2021 Met Gala
Fotogaleria
O actor Timothée Chalamet com blazer Haider Ackermann, top Rick Owens e ténis Converse EPA/JUSTIN LANE
Fotogaleria
Por trás da máscara, está Erykah Badu em Thom Browne Reuters/MARIO ANZUONI
,2021 Met Gala
Fotogaleria
Eva Chen em Christopher John Rogers Reuters/MARIO ANZUONI
Fotogaleria
Mary J. Blige em Dundas EPA/JUSTIN LANE
Fotogaleria
A cantora Ciara numa homenagem ao marido Russell Wilson, com o número da camisa do jogador de futebol EPA/JUSTIN LANE
,Olivia Rodrigo
Fotogaleria
Olivia Rodrigo num fato em renda da Yves Saint Laurent Reuters/ANDREW KELLY
,tapete vermelho
Fotogaleria
A cantora Rosalía com fato Rick Owens Reuters/MARIO ANZUONI
Fotogaleria
A actriz Emily Ratajkowski em Vera Wang Reuters/MARIO ANZUONI
Fotogaleria
Normani em Valentino EPA/JUSTIN LANE
Fotogaleria
Carey Mulligan em Valentino Reuters/MARIO ANZUONI
Fotogaleria
Hunter Schafer parece saída de um filme de ficção científica, graças às lentes de contacto brancas. Veste Prada Reuters/MARIO ANZUONI
,Museu Metropolitano de Arte
Fotogaleria
A ginasta Nia Dennis em Adidas e Stella McCartney EPA/JUSTIN LANE
,2021 Met Gala
Fotogaleria
Frank Ocean usou um acessório peculiar, um bebé robot. Veste Prada EPA/JUSTIN LANE
Fotogaleria
Pete Davidson em Thom Browne EPA/JUSTIN LANE
Emily Blunt
Fotogaleria
A "estrela" Emily Blunt em Miu Miu EPA/JUSTIN LANE
,Timothée Chalamet
Fotogaleria
Sharon Stone com vestido Thom Browne Reuters/MARIO ANZUONI
Fotogaleria
Ariana DeBose em Mickael Kors EPA/JUSTIN LANE
Fotogaleria
A tenista Venus Williams com vestido Prabal Garung EPA/JUSTIN LANE
Fotogaleria
Winnie Harlow posa para os fotógrafos em Iris Van Herpen EPA/JUSTIN LANE
Fotogaleria
O vestido de Lili Reinhart, desenhado por Christian Siriano, tem flores que representam cada um dos estados americanos EPA/JUSTIN LANE
Fotogaleria
Kate Hudson em Mickael Kors EPA/JUSTIN LANE
Fotogaleria
Keke Palmer em Sergio Hudson EPA/JUSTIN LANE
Fotogaleria
Cara Delevingne deixou uma mensagem sobre o patriarcado, cortesia da Dior Reuters/MARIO ANZUONI
,2021 Met Gala
Fotogaleria
A actriz Kristen Stewart em Chanel Reuters/MARIO ANZUONI
Fotogaleria
A filha do falecido Kobe Bryant, Natalia Bryant em formato de bola de Natal, numa criação Conner Ives EPA/JUSTIN LANE
,Museu Metropolitano de Arte
Fotogaleria
Regina King em Mickael Kors Reuters/MARIO ANZUONI
Fotogaleria
A criadora Diane Von Furstenberg EPA/JUSTIN LANE
Vestido de casamento
Fotogaleria
A atleta Allyson Felix com vestido Fendi EPA/JUSTIN LANE
,A comemorar!
Fotogaleria
Taika Waititi e Rita Ora EPA/JUSTIN LANE
Fotogaleria
A cantora Kim Petras posa com a designer Hillary Taymour. Veste uma criação irreverente de Taymour para a Collina Strada, inspirada num cavalo EPA/JUSTIN LANE
,2021 Met Gala
Fotogaleria
O "cavalo" de Kim Petras Reuters/MARIO ANZUONI

As estrelas voltaram a pisar a passadeira vermelha mais excêntrica do mundo da moda, esta segunda-feira ─ o Met Gala. Aqui não há regras e os convidados vestiram-se a rigor para a angariação de fundos da exposição A Lexicon of Fashion (O léxico da moda, em tradução livre) do Costume Institute, do Metropolitan Museum of Art, em Nova Iorque. Viu-se tudo de tudo, da máscara preta de Kim Kardashian, da cabeça aos pés, à homenagem de Billie Eilish a Marylin Monroe, passando pelos três looks de Lil Nas X. Numa passadeira vermelha heterogénea, as celebridades cumpriram o propósito de celebrar a moda norte-americana.

Como de costume, a anfitriã foi Anna Wintour, a editora-chefe da Vogue norte-americana, que chegou vestida por Oscar de La Renta. A inauguração da nova exposição do Costume Institute ficou a cargo de Billie Eilish, Timothée Chalamet, Naomi Osaka e Amanda Gorman (que levou um livro na mão). A cantora de Happier Than Ever foi uma das estrelas da passadeira vermelha, com uma ode ao vestido que Marylin Monroe vestiu nos Óscares de 1951, assinado por Oscar de La Renta.

Não é comum ver Billie Eilish em coordenados tão femininos (excepto quando foi capa da revista Vogue), mas a artista terá querido precisamente prestar tributo a uma mulher que tanto contribuiu para a cultura americana e, segundo avança a editora de estilo da revista Vogue, Dena Giannini, o coordenado já estava planeado ainda antes de a pandemia cancelar a gala do ano passado. “Ela sempre sonhou com um vestido de baile ─ particularmente algo com um corpete, graças ao seu amor pelas Barbies, enquanto crescia”, revela. Apesar de parecer um vestido pesado, a criação será muito leve. Todo o coordenado foi complementado com 30 peças de joalharia Cartier, incluindo 25 anéis, um recorde para uma passadeira vermelha.

O vestido de 40 quilos de Simone Biles e a celebração da herança de Naomi Osaka

Beckett Fogg e Piotrek Panszczyk da Area desenharam o vestido três-em-um da ginasta Simone Biles. A criação de 40 quilos era feita de três partes, uma saia feita à mão com cristais Swarovski, um minivestido por baixo também em cristais e um fato de ginasta repleto que se assemelhava a um céu estrelado. A ideia de performance era importante para a estreia da atleta no Met Gala e, por isso, a criação contou também com a marca de desporto Athleta.

A inspiração para este projecto foi a célebre artista de music-hall, dos anos 1920, Josephine Baker, a primeira mulher negra a entrar numa grande produção cinematográfica, que usou o seu poder de estrela para dar a voz pelos direitos civis. Os criadores da Area fazem uma analogia da história da artista com o percurso de Simone Biles ─ passaram apenas alguns meses desde que a ginasta falou sobre saúde mental nos Jogos Olímpicos de Tóquio.

Foram precisas mais de 100 pessoas, num trabalho manual de 6650 horas, para fazer a saia de Biles, que ficou concluída “perto das 4 da manhã” da véspera da gala, conta, à Vogue, Piotrek Panszczyk. Simone Biles aproveitou a criação para deixar uma mensagem a todas as raparigas: “Quero dizer a todas as meninas que podemos ser duras em qualquer desporto que queiramos, podemos ser fortes. Por outro lado, podemos sentir-nos empoderadas e lindas e usar vestidos assim, sair da nossa zona de conforto. Não precisamos ser só atletas, no fim somos pessoas.”

Também Naomi Osaka quis passar uma mensagem com a criação que usou ─ a importância de valorizarmos as nossas origens. O vestido colorido em jacquard, cetim e seda foi idealizado por Nicolas Ghesquière da Louis Vuitton. O padrão foi desenhado pela irmã de Osaka e é inspirado na carpa, um símbolo da cultura japonesa. A ideia foi celebrar e casar as duas culturas, americanas e japonesa, sublinhado a herança birracial da tenista.

Kim Kardashian com uma criação de Kanye West e os três looks de Lil Nas X

Não, Kim Kardashian e Kanye West não reataram a relação, após o divórcio no início deste ano, mas foi o rapper a desenhar, em parceria com a Balenciaga, de Demna Gvasalia, o look da socialite para o Met Gala. O resultado foi uma criação minimalista, sem descurar o glamour que caracteriza a estrela de Kepping Up The Kardashians ─ uma máscara preta da cabeça aos pés, com uma longa cauda.

Apesar de inicialmente ter gerado incerteza sobre quem se trataria, a forma do corpo da empresária não deixou margem para dúvida. A ex-mulher de West foi acompanhada na passadeira vermelha por Demna Gvasalia, o designer da Balenciaga. Inicialmente pensou-se que o vulto, também vestido de preto da cabeça aos pés, seria Kanye West.

Se Kim Kardashian se cobriu inteiramente, a irmã Kendall Jenner usou um vestido transparente da Givenchy, coberto de cristais, inspirado em Audrey Hepburn, no filme My Fair Lady - Minha Linda Senhora. Jenner não foi a única a apostar em transparências, também Irina Shayk, em Moschino, desfilou com vestido transparente, adornado com flores e fez-se acompanhar do criador Jeremy Scott.

Já o coordenado do rapper Lil Nas X assemelhou-se a uma matrioska, onde a cada instante se iam descobrindo novas camadas na criação de Donatella Versace. Ao chegar à gala, o artista usava uma gigante capa dourada, que, depois, revelava uma armadura, como se estivesse pronto para lutar. Por fim, o cantor de Montero (Call me by your name) revelou um fato de corpo inteiro coberto em cristais dourados, com o clássico padrão da Versace.

E porque a moda é uma das formas mais antigas de passar uma mensagem política, a congressista Alexandria Ocasio-Cortez desfilou na passadeira vermelha com vestido que dizia Tax the Rich (“taxem os ricos”, em tradução livre, ou numa tradução ainda mais livre: “os ricos que paguem a crise”), uma criação da Brother Vellies. Por momentos, o vestido lembra o casaco que Melania Trump usou com a frase “não quero saber", em 2018. Muitos criticaram a democrata por ter usado o vestido precisamente num evento de ricos. Na legenda de uma fotografia no Instagram, Ocasio-Cortez explicou que os congressistas eleitos por Nova Iorque são convidados para a gala e faz parte das suas responsabilidades “supervisionar as instituições culturais que servem o público”. 

Na passadeira vermelha do Met Gala houve espaço para tudo, sem esquecer o cavalo de Kim Petras, o fato de treino de Timothée Chalamet, o casaco de Inverno de Rihanna e o chapéu de Jennifer Lopez.

Na galeria de imagens em cima, percorra todos os coordenados da passadeira vermelha que celebrou O léxico da moda.