Paz Padilla: “Aqui na Europa, andamos com a morte às costas, não a vemos”

Paz Padilla é uma figura pública em Espanha. A humorista, actriz e apresentadora, além da televisão, também enche teatros com os seus espectáculos. O sucesso público escondeu um drama privado que surpreendeu o público: a doença e a morte do marido, Antonio.

Foto
"Durante todo o tempo que acompanhei o Antonio a morrer fi-lo com o meu sentido de humor. Dei-lhe o que podia dar, o humor e o amor" Pablo Cuadra/WireImage

Um dia, Juan Antonio Vidal ligou assustado a Paz Padilla porque não se sentia bem. A apresentadora largou tudo o que estava a fazer e combinou encontrar-se com o marido no hospital. Aquilo que parecia ser cansaço ou algo mais simples de resolver revelou-se uma doença terminal. No livro O Humor da Minha Vida, a humorista espanhola conta a sua história de amor, o companheiro que conheceu ainda adolescente, de quem se afastou e reencontrou na vida adulta, para perder para uma doença.

Sugerir correcção
Ler 5 comentários