Zemmour, um pirómano nas presidenciais francesas

Ainda não é candidato às presidenciais mas condiciona já a cena política francesa. O “polemista de extrema-direita” Eric Zemmour ultrapassou Marine Le Pen nas sondagens. O seu programa é simples: uma “guerra civil” contra os “ocupantes” muçulmanos. A esquerda, essa, parece fora de combate.

Foto
Atrás de Zemmour, "polemista de extrema-direita", lê-se o título do seu último livro "A França não disse a sua última palavra". Eric REUTERS/Eric Gaillard

A seis meses de distância da eleição presidencial francesa (10 e 24 de Abril), começam as movimentações partidárias num clima de completa confusão. O quadro político está suspenso de uma incógnita: a candidatura de Eric Zemmour, 63 anos, que a imprensa define pudicamente como “polemista de extrema-direita” e quer reacender a “guerra da imigração”.