Tigeladas, bolos, brisas, pastéis e outras iguarias da Feira Nacional de Doçaria

Acontece de 22 a 24 de Outubro a 19.ª edição da Feira Nacional da Doçaria Tradicional em Abrantes. Uma novidade é a doçaria por encomenda.

Foto
Tigelada de Abrantes DR

A 19ª Feira Nacional de Doçaria está de regresso à Esplanada 1º de Maio, no centro histórico em Abrantes, com três dias dedicados à melhor doçaria tradicional portuguesa — entre os dias 22 e 24 de Outubro.

Os mais gulosos vão encontrar doces conventuais e tradicionais como a aclamada Palha de Abrantes, as Tigeladas de Abrantes, o mel e outros doces e docinhos tradicionalmente abrantinos.

Nesta celebração da doçaria portuguesa os visitantes vão poder ainda provar o pão-de-ló de Margaride e o de Ovar, as brisas do Tâmega e queijadinhas de S. Gonçalo de Amarante, os ovos-moles de Aveiro, os pastéis de Tentúgal, as cornucópias de Alcobaça, os pastéis de feijão e o bombom de figo negro de Torres Novas, os coscoréis da Sertã, os rebuçados de ovo do Alto Alentejo e como não poderia faltar o bolo fidalgo, o pão de rala e a sericaia entre outras iguarias do Alentejo.

Foto
Diogo Ventura

Para além disso, a organização promete animação infantil, oficinas de doçaria com produtos da região e actividades desportivas. Poderá ser visitada a exposição O Palhinhas – uma história da palha de Abrantes que reflecte os trabalhos das escolas do ensino pré-escolar e 1º ciclo de Abrantes.

A 19ª Feira Nacional de Doçaria surge com a novidade Doçaria por encomenda, um novo serviço que possibilita a compra e entrega ao domicílio ou num ponto de entrega dos doces escolhidos pelos consumidores que, por algum motivo, não se possam deslocar à feira.