Novo livro de Astérix: os deuses já não estão loucos

O mais recente livro de Astérix, Astérix e o Grifo de Jean-Yves Ferry e Didier Conrad, é uma fórmula de receitas que perverte a obra de René Goscinny e Albert Uderzo. Para a transformar num produto, numa marca invisível.

cultura,asterix,culturaipsilon,banda-desenhada,livros,
Fotogaleria
cortesia edições asa
cultura,asterix,culturaipsilon,banda-desenhada,livros,
Fotogaleria
cortesia edições asa
cultura,asterix,culturaipsilon,banda-desenhada,livros,
Fotogaleria
cortesia edições asa
cultura,asterix,culturaipsilon,banda-desenhada,livros,
Fotogaleria
cortesia edições asa

Astérix e o Grifo de Jean-Yves Ferry e Didier Conrad (edições Asa) é o 39.º álbum de aventuras do pequeno gaulês, mas de aventura, no sentido do extraordinário ou das grandes peripécias, tem muito pouco. Poder-se-ia acrescentar que não faz jus ao género da aventura que Albert Uderzo e, em especial, René Goscinny tão bem souberam cultivar. Ou que, sem correr o risco do exagero, nos dá a ver (mais do que a ler) uma obra de banda desenhada reduzida a uma fórmula.