Ainda não resolvemos o nosso principal problema

Em Portugal, mais de metade do emprego ligado às exportações é de baixas qualificações, 55% em 2014, quando a média europeia era de vinte por cento.

Um rotineiro relatório da Comissão Europeia vem lembrar-nos mais uma vez de qual é o nosso principal problema, e de que ainda não o resolvemos. O relatório até é sobre um tema colateral — “as exportações da UE para o mundo e os seus efeitos no emprego”, publicado na passada sexta-feira — mas a certa altura lá vem uma secção que nos atinge em cheio, quando se trata de saber que tipo de emprego é apoiado pelas exportações.

Sugerir correcção
Ler 21 comentários