Eurostars inaugura dois hotéis em Lisboa, incluindo cinco estrelas Universal

Duas estreias de uma só assentada no Parque das Nações: o Eurostars Universal Lisboa, hotel design cinco estrelas, e o Ikonik Lisboa, um três estrelas.

hoteis,hotelaria,parque-nacoes,fugas,lisboa,turismo,
Fotogaleria
Eurostars Universal Lisboa dr
hoteis,hotelaria,parque-nacoes,fugas,lisboa,turismo,
Fotogaleria
Eurostars Universal Lisboa dr
hoteis,hotelaria,parque-nacoes,fugas,lisboa,turismo,
Fotogaleria
Eurostars Universal Lisboa dr
hoteis,hotelaria,parque-nacoes,fugas,lisboa,turismo,
Fotogaleria
Eurostars Universal Lisboa dr
Eurostars Universal Lisboa
Fotogaleria
Eurostars Universal Lisboa dr
Eurostars Universal Lisboa
Fotogaleria
Eurostars Universal Lisboa,Eurostars Universal Lisboa dr,dr
,Suíte
Fotogaleria
Eurostars Universal Lisboa dr
,Hotel
Fotogaleria
Eurostars Universal Lisboa dr

O Eurostars Hotel Company vai “consolidar a aposta em Portugal” com a inauguração esta quinta-feira de dois hotéis em Lisboa: um investimento de “mais de 55 milhões”, segundo a cadeia hoteleira, do Grupo Hotusa, à Lusa. Abrem assim o Eurostars Universal Lisboa, um hotel cinco estrelas, e o Ikonik Lisboa, uma unidade hoteleira de três estrelas.

Com estas duas novas aberturas em Lisboa, o grupo passa a deter 21 unidades, “sendo Portugal o segundo mercado mais importante da companhia”, logo a seguir a Espanha, refere a empresa.

Os dois hotéis estão localizados no Parque das Nações e, segundo o grupo, as suas instalações “são tematizadas para prestar homenagem à história e à cultura da bela capital que os acolhe”. Assim, e “devido à sua singularidade”, ambos os projectos têm como objectivo “converter-se numa referência na comemoração de eventos na capital portuguesa”.

O presidente do Grupo Hotusa, Amancio López Seijas, afirmava, numa nota do início do mês, que Portugal “tem sido historicamente um mercado estratégico” para a empresa, no qual, diz, sempre tiveram “experiências únicas” e onde esperam “continuar a crescer no futuro”.

Foto
Eurostars Universal Lisboa dr

De acordo com a mesma nota, estes dois hotéis estão unidos “por mais de 800 m2 [metros quadrados] destinados à comemoração de eventos”, ou seja, possui mais de 800 m2 de salas com capacidade para acolher eventos de até 1.000 pessoas.

“Trata-se de dois hotéis, um de 3 estrelas e outro de 5 estrelas, localizados em dois edifícios ligados por grandes salas concebidas para acolher os mais diversos eventos, sejam eles sociais, comemorações de índole familiar ou encontros do âmbito MICE [sigla inglesa para Meetings (Encontros), Incentives (Incentivos), Conferences (Conferências) and Exhibitions (Feiras)]. Esta singularidade permite que o cliente possa utilizar qualquer um dos espaços que integram este projecto, oferecendo-lhe a capacidade necessária para se encarregar da organização integral de um evento”, explicam.

Foto
Eurostars Universal Lisboa dr

O Eurostars Universal Lisboa 5 estrelas é “um hotel de design, com uma oferta de 189 quartos, ideal “tanto para viagens de negócios como para turismo”, enquanto o Ikonik Lisboa tem um “espírito moderno e funcional”, com 230 quartos.

“Ao contrário do Eurostars Universal 5 estrelas, cujas instalações pretendem homenagear a cidade clássica, a estrutura do Ikonik Lisboa 3 estrelas tem como temática constituir um reflexo fiel da capital jovem, moderna e funcional, dessa cidade que muda e se reinventa no ritmo que os seus jovens também o fazem. (...)”, referem.

Foto
Eurostars Universal Lisboa dr

Antes destes dois, o grupo já contava com cerca de 1.900 quartos, nos, até aqui, 19 estabelecimentos.

O Eurostars Hotel Company é a cadeia hoteleira do Grupo Hotusa, contando com mais de 200 estabelecimentos, distribuídos por 19 países, e onde estão integradas as marcas Eurostars Hotels, Exe Hotels, Ikonik Hotels, Crisol Hotels e Áurea Hotels.

Ironik Lisboa dr
Ironik Lisboa dr
Ironik Lisboa dr
Ironik Lisboa dr
Ironik Lisboa dr
Fotogaleria
dr

O Grupo Hotusa, nascido em 1977 e com sede em Barcelona (Espanha), conta com mais de 5.500 empregados e uma facturação que em 2019 ultrapassou os 1.200 milhões de euros, segundo a empresa.