APRENDER COM O PÚBLICO

Três sugestões de atividades para comemorar o direito de ser feliz e de contribuir para que nenhuma criança seja esquecida

Três sugestões de atividades para assinalar o Dia Mundial da Criança com o PÚBLICO na Escola

cidadania-desenvolvimento,aprender-publico,publico-escola,portugues,ensino-secundario,ensino-basico,
Fotogaleria
Ricardo Lopes
cidadania-desenvolvimento,aprender-publico,publico-escola,portugues,ensino-secundario,ensino-basico,
Fotogaleria
LUSA/ARSHAD ARBAB
,Educação
Fotogaleria
Rui Gaudencio
cidadania-desenvolvimento,aprender-publico,publico-escola,portugues,ensino-secundario,ensino-basico,
Fotogaleria
EVR ENRIC VIVES-RUBIO
,Campo de refugiados
Fotogaleria
Reuters/ELIAS MARCOU
Wichí
Fotogaleria
Reuters/UESLEI MARCELINO
Fotogaleria
Stringer .
,Conflito Tigray
Fotogaleria
Reuters/MOHAMED NURELDIN ABDALLAH
Fotogaleria
Paulo Pimenta
Fotogaleria
Paulo Pimenta
Fotogaleria
Paulo Pimenta
Bicicleta de montanha
Fotogaleria
Paulo Pimenta
Fotogaleria
Nuno Ferreira Santos
Fotogaleria
Daniel Rocha
,Ad26.COV2.S
Fotogaleria
Reuters/SHAWN ROCCO/DUKE HEALTH
Fotogaleria
Nuno Ferreira Santos
Fotogaleria
Reuters/Amit Dave
Fotogaleria
Nuno Ferreira Santos
Fotogaleria
Nuno Ferreira Santos
Fotogaleria
Reuters/SOE ZEYA TUN
,Batalha de Baghuz Fawqani
Fotogaleria
Reuters/RODI SAID
Vertebrado
Fotogaleria
Rui Gaudencio
,Khan Yunis
Fotogaleria
LUSA/MOHAMMED SABER
,Palestinos
Fotogaleria
Reuters/SUHAIB SALEM
Fotogaleria
Paulo Pimenta
,Crianças nas forças armadas
Fotogaleria
Corinne Dufka
Greta Thunberg
Fotogaleria
LUSA/JUSTIN LANE
,Planeta Tangerina
Fotogaleria
Nelson Garrido
Imprimir

Oficialmente, o dia é assinalado pela Organização das Nações Unidas (ONU) a 20 de novembro, data em que no ano de 1959 foram aprovados pela Assembleia-Geral da ONU os Direitos da Criança. Na mesma data, mas no ano de 1989, foi adotada pela Assembleia-Geral da ONU a Convenção dos Direitos da Criança, que Portugal ratificou em 21 de setembro de 1990. Em Portugal, o Dia da Criança é festejado no dia 1 de junho.*

Destinatários: Alunos do 1.º ciclo (3.º e 4.º anos) e dos 2.º e 3.º ciclos do ensino básico

Disciplina: Cidadania e Desenvolvimento, Português, História, Estudo do Meio

Pré-requisitos: Conhecimento da Declaração dos Direitos da Criança

Material: Galeria de imagens do PÚBLICO; computador para pesquisa online

Duração da proposta de atividades: Deixamos ao critério do professor a gestão do tempo, de acordo com os recursos de que dispõe e as caraterísticas da sua turma

Objetivos:

  • Desenvolver a capacidade de debater ideias, de defender pontos de vista e de argumentar
  • Debater com os colegas assuntos da atualidade e expressar a sua opinião sobre os mesmos
  • Tomar consciência do papel dos media na informação sobre o mundo atual

Preparação

Independentemente da atividade escolhida, sugere-se que a aula comece com um diálogo que possibilite que o aluno aprenda e celebre os seus direitos enquanto reflete e discute com os colegas sobre as seguintes questões: Qual o significado e a importância do Dia da Criança (breve contextualização histórica abordando os principais marcos da conquista dos Direitos da Criança); Que Direitos e para que crianças?; Direitos (normas que reconhecem e protegem a dignidade da criança), necessidades (aquilo que é absolutamente necessário para que todas as crianças tenham uma vida feliz, segura e saudável) e desejos (as coisas que gostaria de ter, mas que não são necessárias para uma vida plena); As desigualdades no respeito pelos Direitos da Criança: das mais próximas às mais distantes; Qual o papel e responsabilidade dos media na promoção do respeito pelos Direitos da Criança.

Atividades:

Sugestão 1

Notícias, entrevistas, reportagens, textos de opinião. São vários os conteúdos que os alunos podem encontrar nos media sobre assuntos relacionados com crianças e jovens.

Em pequeno grupo, organizar o dossier digital Os Direitos das Crianças nos media:

  • Pesquisar na lupa do PÚBLICO online conteúdos que se relacionem com crianças e jovens;
  • Selecionar para o dossier o(s) conteúdo(s) mais interessante(s) para cada Direito da Criança referindo a respetiva fonte e os autores;
  • Publicar o dossier no jornal da escola, no site ou nas redes sociais da Escola.

Sugestão 2

Frequentemente os media denunciam nomes de marcas que recorrem a mão de obra infantil de países pobres para a produção de bens a preços mais baixos, aumentando os seus lucros.

Em grande grupo, escrever uma carta aberta às marcas que recorrem a trabalho infantil apresentando os Direitos da Criança que não estão a respeitar e argumentando a favor do fim dessa prática.

Sugestão 3

Selecionámos 28 fotografias publicadas no PÚBLICO que podem acrescentar significado aos Direitos das Crianças e à forma como são, ou não, respeitados. 

Em pequeno grupo, legendar as fotografias da galeria de imagens (a sequência de fotografias que abre estas sugestões de atividades):

  • Observar cada imagem com muita atenção (identificar autor e data);
  • Selecionar o Direito da Criança que considera melhor servir como legenda.
  • Comparar o trabalho final com o dos outros grupos.

Nota: O jornal PÚBLICO não é escrito segundo o acordo ortográfico de 1990.